Como se interpreta isto?







































Estará Jorge Jesus a falar da "herança" de Marco Silva?
Podem ler a entrevista na integra AQUI(cliquem)

6 comentários:

Anônimo disse...

Interpreta-se que o Sporting não tinha uma estrutura nem organização para ser campeão. E também se interpreta que o Presidente e o Treinador estão em perfeita sintonia. Aliás, digam o que quiserem mas Jorge Jesus é o primeiro treinador a ficar mais do que um ano com Bruno de Carvalho, isto certamente demonstra que não se dão assim tão mal como se pinta

Anônimo disse...

Quando JJ chegou Ao Sporting, o clube estava e estará com os recursos muito limitados em relação aos rivais e poderá ser este o contexto encontrado por Jesus que o fez tremer. Também o ataque do rival á sua pessoa com processos no tribunal o tenha feito tremer. Mas é aí, que entra quem deve, o Presidente. Dar-lhe o apoio e condições de trabalho. E aí está o resultado inicial, nada mau...

Anônimo disse...

Esta entrevista, deixou a nu, que organização tinha o Sporting, contudo antes de dizer o que achei desta entrevista, quero aqui deixar uma palavra para dois treinadores Leonardo Jardim e Marco Silva, do excelente trabalho deixado por eles, ou seja, se Jorge Jesus, quis abandonar após um mês, imaginem o que estes dois fizeram com todos estes problemas que existiam, no nosso Clube, na minha opinião muito bom.
Claro que o presidente não o podia deixar sair, se foi uma jogada de mestre a sua contratação, imaginem se o treinador abandona-se o barco, era muito mau.
A entrevista, no meu ver, tens duas situações:
1ª- Ficou a nu, a nossa má organização existente no Clube, possivelmente era trabalhar em grandes dificuldades, sem grandes meios, para a grandeza do Clube, e aqui o Jorge Jesus que vinha habituado a ter tudo e mais alguma coisa, chegou e ficou preocupado com as condições do nosso Clube, e só ficou porque o presidente prometeu melhores condições.
2ª- No meu entender, o Jorge Jesus podia ter sido mais cauteloso em algumas afirmações, no que respeita organização e condições encontradas no Clube, á situações que não necessitam sair cá para fora, mas Jorge Jesus, neste aspeto (comunicação), é muito fraco, mas o seu ego é mesmo assim.
Com tudo isto, só espero que a direção do Sporting, mais propriamente o presidente saiba o que está a fazer, por vezes não se pode dar tudo ao treinador, tem que haver equilibro, no meu entender existe uma vontade enorme em sermos campeões, mas temos que ter os pés bem assentes no chão, não podemos estragar, o que está a ser feito, tem que existir cabeça, tronco e membros, espero que sim.
Conclusão final, esta entrevista, podia ser efetuada de uma maneira diferente, disse-se coisas que podiam muito bem ficar no seio da nossa família.

Anônimo disse...

Pensei que ias inventar que a COFINA tinha manipulado toda a entrevista... afinal é apenas JJ a dizer que o Sporting era uma merda e que graças a ele agora cheira um pouco melhor.

De notar que JJ chega depois de BdC já lá estar há 18 meses... ou seja JJ consegue insultar clube e presidente duma assentada.

Sportinguista disse...

Anonimo de 4 de setembro de 2016 22:15

Estás com comichão é isso?
Olha se ele se lembra de falar do tráfico da Porta 18!
Vê-se mesmo que não leste a entrevista...
Cheiras a merda de esgoto de Carnide!

Mario Silva disse...

Interpreta-se que o rigor e exigências são muito altas a nível da organização e estruturas... o que para outros treinadores até está bem...

Por isso e mais coisas é que uns ganham muitos mais títulos que outros.

Outra coisa que o JJ deu a subentender é que em termos de qualidade e potencial a equipa que encontrou era muito melhor e mais talentosa, que a primeira equipa que encontrou no venfica quando foi campeão pela 1a vez... e não me venha com tretas, foi isso o que o fez ficar, não interessa presidentes do lado e porreirassos, um treinador de nomeada com um monte de coxos só se vai enterrar... e só não foi campeão outra vez devido ao colinho monumental e corrupção descarada (mais uma vez digo eu... bons pa campeões da Europa, mas pa Portugal não chega)

Entretanto muitas obras na Academia, Octávio e outros, e estrutura e logística do melhor que há, incluindo a nível de comunicação

Se houver super colinho mesmo assim vai ser super difícil, mas creio que não, o desgaste do Presidente no FB no ano passado surtiu efeito, este ano é muito mais difícil explicar, aceitar e acontecer, os monumentais roubos de igreja nas barbas de toda a gente, como foi o Guimarães x Venfica do ano passado.

(mesmo assim quando não há colinho eles chiam que nem arganaças de esgoto apredejados, como com o Setúbal... só espero que a regra não é permitido falar de arbitragens seja igual para todos... e as multas e suspensões também... )