Temos de fazer uma "Intifada" contra esta "Jihad" de merda!



Nenhum comentário: