Vilafranquense 0 - Sporting 4...Treino medíocre mas missão cumprida!



SPORTING: Marcelo Boeck, João Pereira, Paulo Oliveira, Ewerton, Jonathan Silva, William Carvalho, Bruno Paulista, Aquilani, Matheus Pereira, Montero e Carlos Mané
0-1 Mathaeus Pereira aos 12 min.
0-2 Mathaeus Pereira aos 16 min.
0-3 Bruno Paulista aos 40 min.
AO INTERVALO: 0-3
0-4 Gelson aos 77 min.
Já se esperava que este jogo fosse jogado a um ritmo baixo e isso veio-se mesmo a confirmar durante a 1ªparte!
O Sporting acaba por chegar ao intervalo a vencer por três golos de diferença, mas sem jogar um futebol vistoso ou mesmo interessante, jogo jogado a passo por parte da nossa equipa, completamente virado para o ritmo de treino!
Bruno Paulista um corpo estranho no meio-campo do Sporting, joga zero e acaba por marcar um golo, pronto já é uma grande contratação, não seria este um bom jogo para vermos miúdo que nos custou mais de 2 milhões de €?
Um tal de Gauld!
João Pereira nem frente a adversários das distritais consegue jogar bem e os únicos ataques que os ribatejanos conseguiram mesmo que sem criar perigo foram sempre do lado direito da nossa defesa!
Excelente noticia ver o regresso de Ewerton!
De resto uma 1ªparte que quase deu para dormir, onde o Sporting nunca conseguiu criar ou construir um lance com principio, meio e fim, marca dois golos por Mathaeus em dois bons lances, mas foi só o que se viu e depois o golo do “corpo estranho” numa bola parada!
O Sporting foi para o intervalo a cumprir a sua obrigação, penso que William Carvalho devia também ter ficado de fora das opções, pois pode correr o risco de se lesionar e ficar de fora da ida à Luz!
O Vilafranquense nunca conseguiu criar lances de perigo para a nossa baliza…também seria mau sofrermos golos de uma equipas das distritais!
Um Sporting a cumprir, mas sem brilho, jogo que se arrasta no tempo!
Jorge Jesus percebeu que não valia a pena deixar mais tempo William Carvalho em campo e à entrada para a 2ªparte deixou o médio internacional português a descansar, boa opção!
Foi preciso esperar até aos 61 minutos para um remate perigoso por parte do Sporting e do jogador que acaba por entrar já no decorrer da 2ªparte!
E o Vilafranquense que aos 65 minutos quase que marca numa desatenção de Jonathan…
E Montero lá foi tentando a espaços com alguns remates de fora da área…e quando tinha a bola só “via” baliza, muito agarrado à bola o colombiano e tem nos pés já perto dos últimos 15 minutos a melhor oportunidade para o Sporting na 2ªparte, o colombiano já dentro da área envia a bola por cima da barra!
Bruno Paulista que com a saída de William ficou a ocupar o lugar de médio mais recuado da nossa equipa e nada trouxe à equipa quer em termos ofensivos ou mesmo em qualidade de jogo jogado, este jovem brasileiro “cheira” claramente a flop e a uma contratação que deve ter dado comissões a alguém, o brasileiro é claramente um jogador muito lento, tem alguma técnica e até consegue fazer alguns malabarismos (…mas hoje a jogar contra jogadores amadores era mais fácil mas pouco mostrou…) mas é um jogador que ainda tem muito para provar para vir a ser opção para Jorge Jesus em “jogos mais a sério”…
Gelson lá foi tentando “animar” as coisas, mas pouco trouxe também ao jogo, Carlos Mané passou claramente ao lado do jogo!
O Vilafranquense aos 75 minutos esteve perto de marcar no único remate perigoso que os ribatejanos fizeram à baliza de Marcelo Boeck e depois já perto do fim estiveram outra vez perto de marcar e não fosse Marcelo Boeck e vergonhosamente poderíamos ter sofrido um golo de uma equipa amadora!
O Sporting acaba por marcar o quarto golo por Gelson mas numa 2ªparte onde o ritmo foi muito mais lento e baixo do que na 1ªparte!
Aos 80 minutos acaba por se ver a única jogada de algum “relevo” e qualidade por parte do Sporting, com um passe de Montero que isola Gelson que infelizmente acaba por enviar a bola ao lado!
O Sporting acaba por chegar a números de goleada, mas num jogo que quase deu para dormir só de ver o ritmo a que foi jogado, é verdade que foi o ritmo que o Sporting quis imprimir ao jogo, mas algumas das “segundas linhas” do Sporting que alinharam neste jogo tem muito que provar para poderem ser “verdadeiras opções” para Jorge Jesus, até porque hoje se jogou contra uma equipa dos escalões distritais!
Jogo jogado sempre a passo, mas com o Sporting a cumprir a sua obrigação esta tarde e mau seria se não o fizesse, mesmo sem brilho atingiu-se o objectivo em termos de resultado!
Mau treino!

4 comentários:

Anônimo disse...

um GRANDE SÁBADO, à sporting, será? futsal, hóquei e andedol, só grandes vitórias! já não consigo explicar ao meu sobrinho de 5 anos como é que este clube é o melhor, bom diz-lhe que no ping pong ganhámos mais uma supertaça, mas ele diz que isso é porcaria, porque a bola é muito pequenina!

Sportinguista disse...

Anonimo de 17 de outubro de 2015 20:22
Grande sábado?
Ganhámos a super-taça de ténis de mesa é isso?
Grande coisa meu caro!

Anônimo disse...

Como é que é possivel alguém perceber tão pouco de futebol?

João Pereira foi mediocre, até contra tipos da distrital é comido defensivamente e ofensivamente dá 0.
William Carvalho foi titular porque precisa de ritmo de jogo! Nunca na vida faria os 90 minutos, era obvio desde o inicio.
Bruno Paulista a ser dos melhores, tem tudo aquilo que o JJ gosta num 6 e se ele se adptar à europa e JJ o evoluir tem tudo para ser um grande jogador.
O Montero isolou o Mané e não o Gelson, na que tu falas que o Gelson atirou ao lado.
Podia continuar, mas nem vale a pena.

Sportinguista disse...

Anonimo de 17 de outubro de 2015 23:11
A parte do João Pereira e da forma como o referes logo te apresentas...
Claro que William Carvalho precisa de ritmo de jogo mas seria perigoso ou fatal para o Sporting se o jogador se lesiona neste jogo...
Bruno Paulista foi dos melhores?
Ahahahahahahahahahahahahaha...
Quanto ao lance do Montero isolar quem quer que seja até posso ter-me enganado mas isso define se uma pessoa sabe ou não de futebol?
És uma comédia...já agora articula melhor a tua escrita porque fica dificil decifrar o que queres meu caro!