V. Setúbal 1 - Sporting 2...Vitória bem melhor que a exibição!



SPORTING: Rui Patrício (cap.); Miguel Lopes; Paulo Oliveira, Ewerton e Jefferson; Rosell, Adrien Silva e João Mário; André Carrillo, Carlos Mané e Junya Tanaka
0-1 Carlos Mané aos 38 min.
0-2 Tanaka aos 44 min.
AO INTERVALO: 0-2
1-2 Suk aos 47 min.
Má entrada no jogo por parte do Sporting, sem conseguir ter bola e a permitir ao Vitória alguma posse de bola mas foi só mesmo isso, os sadinos apenas através de um lance de lançamento de linha lateral deram trabalho a Rui Patricio mas numa bola muito fácil para o nosso guarda-redes!
Após esse período que durou até aos 10 minutos iniciais, o Sporting pegou no jogo e dominou claramente a todos os níveis e com Carrillo e João Mário a um grande nível!
O Sporting que podia ter chegado ao golo mais cedo e foi mesmo o Sporting que por duas ocasiões podia ter chegado ao golo mas acabaria por se fazer justiça no marcador e o Sporting marca através de Mané, o extremo que até então não se tinha visto e aparece a marcar o golo que abre o activo no Bonfim e depois acaba por estar também no lance do segundo golo, pois o passe inicial era para ele e a bola acaba por sobrar para um Tanaka que também ainda não se tinha visto mas cumpre na perfeição quando foi chamado a fazer o que se lhe pede, marcar golos e o japonês cumpriu e o Sporting chega ao intervalo com um resultado justo e que acaba por espelhar alguma justiça sobre o que se passou na 1ªparte!
O Benquerença não podia apitar um jogo do Sporting sem fazer das suas, amarelo exagerado a Jefferson e depois Miguel Lopes é atropelado por um jogador dos sadinos e fica-se pelo amarelo e na minha opinião penso que o amarelo a Tanaka é também exagerado, fica claro que o japonês não tem qualquer intenção de magoar o guarda-redes dos sadinos!
Nova má entrada do Sporting na 2ªparte e a consequência disso mesmo foi o golo dos sadinos logo a abrir a 2ªparte mas também é verdade que esse foi o único lance de perigo dos sadinos até ao final do encontro e só mesmo um contra-ataque a já em cima do final do encontro podia nos ter custado caro, por outro lado o Sporting jogou zero na 2ªparte e o único lance de perigo do Sporting é mesmo um remate de Carrillo de fora da área, medíocre mais uma vez mas a vitória acaba por ser justa pelo que o Sporting produziu na 1ªparte e só mesmo por culpa própria o resultado é tão curto, não pelas oportunidades perdidas porque essas foram escassas mas sim mais uma vez pela enorme mediocridade do futebol apresentado na 2ªparte, à imagem do jogo frente ao Nacional mas continuamos seguros na luta pelo titulo prometido!
- Lá estou eu de novo com merdas, os outros mentem e prometem com mentiras e eu é que sou mau, um 3ºlugar é já gozas!
O boi preto do Benquerença não consegue ter um jogo do Sporting em que não nos prejudique, senão vejamos:
- Amarelo exagerado a Ewerton, claramente a compensar a expulsão anterior do jogador sadino;
- Falta clara sobre Carrillo aos 84 minutos quando é afastado com um empurrão claro quando o peruano podia ficar isolado na esquerda e já dentro da área e logo a seguir um fora-de-jogo mal tirado a Jefferson!
Parabéns a Miguel Lopes que para mim foi a melhor unidade do Sporting neste jogo a par de Carrillo e Adrien Silva!
Carlos Mané jogou na 2ªparte?

Nenhum comentário: