Esforço temos, Dedicação temos, Devoção temos e a Glória é para quando?


Cada vez menos no seio da família leonina se tem cultivado o grau de exigência e o grau de cultivo de vitórias!
Veja-se por exemplo um sportinguista que tenha agora a tenra idade de 20 anos, por quantas vezes viu o nosso Sporting ser campeão nacional?
A última tinha apenas 7 anos e a anterior pouco ou nada se deve lembrar e ainda parece que foi ontem que quebrámos um longo de 18 anos sem sermos campeões!
Deixa-me completamente perplexo as reações de alguns sportinguistas jovens que criticam o grau de exigência de muita gente mais velha que cresceu habituada a ver Manuel Fernandes, Jordão, Oliveira e outros a levarem o nosso Sporting à glória que se foi perdendo e que se perdeu com a saída de João Rocha do Sporting, pelo meio via-se crescer um peão que se transformou numa grande bancada central e sentia-se ferverosamente um estádio sempre cheio e empurrado por uma mítica e inigualável superior sul da grande Juventude Leonina que respirava sportinguismo ao contrário do que agora se vê no sector A14!
Pelo meio ainda tínhamos um hóquei em patins que dominava em Portugal e na Europa, rebocados por um grande Joaquim Agostinho que levava o nome do Sporting a uma grande vitória no mítico Alpe Duez no Tour de França, com um Fernando Mamede que batia o recorde do mundo dos 10.000 metros e com um Carlos Lopes a brilhar e a arrastar o nome de Portugal e do Sporting para o topo do mundo, somando a tudo isto haviam ainda os campeonatos da Europa ganhos pelo atletismo do Sporting, por cá ainda tínhamos o andebol a ganhar títulos em catadupa e isto era um pouco do que era o Sporting com que cresci e que o meu pai me ensinou a amar e agora?
Bem agora andando para trás na história o que aconteceu à família leonina?
A família leonina acomodou-se ao deixa andar e limitou-se a deixar o clube nas mãos de bandidos e o que fez essa gente?
Quase que matou o nosso Sporting que não vence uma Taça de Portugal vai para 7 anos, não vence uma Super-Taça vai para 7 anos e vai 13 anos que não somos campeões!
Então quem viveu o Sporting que eu vivi e muitos de nós vivemos não tem o direito de exigir e lutar para o Sporting volte a ser o que foi outrora?
Sim, é verdade que estamos em recuperação financeira que temos de ser pacientes mas meus amigos o que nos alimenta o ego são os títulos e a glória!
Por quanto tempo vamos continuar a viver da dedicação, da devoção e do esforço, falta-nos a glória para nos sentirmos completos e será que não estão fartos de ver a glória constantemente a fugir para outras paragens?
Apelar à união não é só nos darmos como satisfeitos com acessos à Champions e vivermos constantemente na alegria enganadora das derrotas dos nossos rivais, se são sempre eles que ganham e nós não?
Gostava tanto que o tempo anda-se para trás para voltar a ver o meu Sporting ganhador e demolidor ou então gostava tanto de um dia morrer feliz porque o meu Sporting estava de novo no topo do futebol português!
Viva o Sporting!

3 comentários:

Matig0l disse...

Toda a gente quer um Sporting ganhador e demolidor, mas com o clube feito em farrapos como estava há uns tempos é impossível, para já... As coisas levam tempo e não é de um dia para o outro que se passa de 7º classificado a campeão. As coisas estão a ser bem feitas e com calma e boa gestão não tenho dúvidas que vamos lá. Para que gastar rios de dinheiro para ganhar 1 ou outro título e depois falir? A prioridade é equilibrar as contas e fazer mais com menos, e nesse aspecto estamos muito bem. Mais tarde, podemos investir mais e melhorar a qualidade desportiva. Podemos não ganhar agora mas estamos a cimentar as bases para um clube muito muito forte. Eu gosto deste Sporting. SL

SLBenfiquista disse...

Esperem até a Doyen vir buscar o que é dela, com juros... e o modelo de gestão fabuloso vai pelo cano!
Nessa altura vão continuar a ser 3 grandes.
O Benfica, o porto e o sporting.... de braga.

MC disse...

É para quando for! Para quando puder ser. Não basta querer porque se bastasse, bem, tu, de certeza, eras podre de rico. Porque isso queres de certeza, não é? E porque é que não és? Porque não basta querer, pázinho! É preciso fazer para isso. É preciso trabalhar, ano após anos... Muito. E deves recordar-te, talvez, não sei, que o clube esteve à beira da falência e que há 2 anos ficou em 7º lugar. É preciso reconstruir tudo o que se destruiu em 30 anos, em especial nos últimos 13/14.
É preciso que sócios e adeptos ajudem e não que venham para aqui com frases idiotas como se percebessem alguma coisa do assunto.
O Porto tem um caminho de 30 anos - e sabemos bem como foi esse caminho - e o Benfica tem um caminho já de 10 anos - que é igual ao dos fruteiros. E tu, o inteligente, queres que ao fim de 2 anos, sem ajudas da APAF, sejamos melhores que quem domina isto de alto a baixo.
Que ingénuo!!!