A voz do adepto leonino - "Guerra contra o sistema"


“Espero que tenham acabado as conversas de alianças com o Benfica para derrubar o FCPorto. 
Ficou mais uma vez demonstrado que FCPorto é igual a Benfica no que concerne a determinado SISTEMA.
Tenho de voltar a afirmar que o Benfica é um dos clubes mais ajudados de sempre, é preciso enfrentar esta realidade de frente e quando vierem com tangas de alianças para cima de nós, soltem um impropério a esses vossos amigos vermelhos.
Basta de ser roubado e ainda observar a hipocrisia de adeptos e jornaleiros a escamotear/deturpar o que se tem passado ano após ano, nestes campeonatos sem verdade desportiva, com os colos constantes, é preciso fazer algo é preciso cortar o problema pela raiz. Benfica é exatamente igual ao FCPorto nem mais nem menos, venha a "guerra" que estaremos prontos para ela.
Carlos Martins”

* Se ainda não és seguidor do blog no Facebook, clica aqui.

16 comentários:

Anônimo disse...

O que ficou demonstrado foi a fraca personalidade dos jogadores e da direção naquelas declarações no final do jogo.
Continuem a festejar campeonatos do Porto, sportinguistas deste ''blog''...

Anônimo disse...

O mesmo sistema que nas primeiras 6 jornadas beneficiou o Sporting em 3 jogos de forma clara?

Quem perde é sempre quem se queixa do sistema. O problema é que o Sporting perde muitas vezes.

Saudações NN.

Anônimo disse...

Se querem ser coerentes, falem sempre. Quando são beneficiados ficam calados. Adrian estava muito escandalizado no final do jogo com pênaltis e fora de jogo. Mas tem que falar sempre. Não o vi falar depois dos jogos onde ganhou com golos fora de jogo. Nem dopênalti sobre o Cardozo em Alvalade. E além disso o vosso treinador disse que nunca falava de árbitros. Calem-se pois são beneficiados como todos. E hoje até perdeste em futsal com o Benfica. Onde diziam que ganhavam fácil.

Anônimo disse...

Na verdade o spting já joga um pouco melhor e já dá luta ao clube do alto dos moinhos (e não de carnide, seus ignorantes!); esta direção já aprendeu com as outras - desculpar a incompetência, por isso vamos continuar a arrastar-nos; mas temos a satisfação de compreendermos os venezuelanos, é que o Natal também aqui chegou mais cedo!
e para fechar o weekend em beleza mais uma derrota com o alto dos moinhos, desta vez no futsal (7-8) e sem culpa dos árbitros!

Anônimo disse...

Isto é um Blogue do Sporting ou é um Blogue do Carnide? Só vejo comentários de galinhas neste Blogue.

Anônimo disse...

Eu diria que o SLMerda é bem pior do que os andrades!!! Não há jogo na capoeira do Colombo onde não sejamos indecentemente roubados!!! Nos últimos anos não escapa nem um jogo lá, é sempre roubalheira!!! Lampiões, ide vomitar nos vossos blogues!!!

Anônimo disse...

O pa , fecha isto
so galinhas aqui a vender a banha da cobra delas.
Toda a gente sabe que as GALINHAS dominam tudo arbitros , comunicação social, etc
Como o PORTO , os consegue foder mesmo eles jogando sempre com 14 contra 10 ou 9 pensam que as pessoas são todas idiotas e não saber ver futebol e se deixam influenciar e manipular.
O SPORTING se quiser ganhar alguma coisa tem que arranjar estruturas e uma equipa que consiga ganhar contra 14 á semelhança do que o PORTO tem feito e continua a fazer.

Anônimo disse...

SlMerda sempre foi o clube mais beneficiado em Portugal, não sei qual é a duvida, se é que existia aliança com estes corruptos de merda é no minimo estupido.

Sporting tem de fazer o seu caminho sozinho não aliado a corruptos

Anônimo disse...

O capataz do apitador vermelho diz no Rascord que a arbitragem foi excelente e que a
culpa é do Sporting...

Anônimo disse...

"MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA ARGUMENTAR COM UM LAMPIÃO:

1) Primeiro, vão dizer que jogaram melhor. Para essa escumalha, quando ganham jogam sempre melhor, quando perdem jogam sempre melhor e quando empatam idem. No caso dos lampiões, eles substituem o termo “jogar melhor” com “humilhação”. É a bazófia, há que dar o desconto. Podem argumentar com o resultado, estatísticas de jogo, oportunidades de golo, remates à baliza, por aí fora. Não vai valer a pena. E aconselho a ficarem-se por aqui. A bem da vossa sanidade mental.

2) Se forem como eu e não resistirem a continuar, podem passar à arbitragem. E aí, o lampião faz 3 exercícios: primeiro, inventa interpretações das leis de jogo para justificar o injustificável. Segundo, transforma lances legais em lances polémicos para justificarem a teoria de que o boi errou para os dois lados. Terceiro, vai buscar lances de jogos anteriores para justificar o actual. Aconselho a pararem por aqui. Porquê? Porque aqui já entramos no campo da fantasia, onde um porco lampião (passe a redundância) pode perfeitamente andar de bicicleta e onde as galinhas nascem todas com dentes. E acaba aqui qualquer hipótese de discutir o que quer que seja com alguma honestidade intelectual. Eu normalmente fico-me por aqui.

3) Porém, há ainda uns heróis que não desistem de continuar. Gabo-lhes a persistência, mas a conversa acabou há muito. A partir daqui o foco da discussão passa a ser o número de campeonatos ganhos e tentativa de humilhação pelo nosso passado recente. Nesta merda eu já não entro porque fui educado a calar-me quando os meus telhados são de vidro. Ou seja, por exemplo, os lampiões falam do ano em que perdemos tudo e esquecem-se que esse fenómeno tem um protagonista mais recente. Sim, eles próprios. E há mais exemplos. Se chegaram até aqui, estão apenas a gastar neurónios e tinta digital. Esta discussão há muito que saiu do jogo e que passou a ser “quem tem a pila maior”. E aqui, prefiro remeter a questão para as suas companheiras."

Autor: Sá

Anônimo disse...

Sou Sportinguista, mas não vou fazer qualquer comentário, pois não consigo comentar num blog onde só comentam benfiquistas.

Anônimo disse...

O Benfica reagiu, esta segunda-feira, em comunicado, às declarações da parte do Sporting sobre a arbitragem no derby do passado sábado, que terminou com a vitória dos encarnados por 4-3.

Para o clube da Luz, os lances duvidosos no jogo «repartiram-se», apontando críticas a quem aponta de forma parcial «prejuízos apenas para o Sporting».

O papel dos responsáveis do clube de Alvalade não passa incólume e questiona-se o facto de o Sporting pedir o relatório elaborado pelo árbitro do jogo, Duarte Gomes, atirando-se que «seria coerente» pedirem também os relatórios dos jogos «com o Benfica em Alvalade, com a Académica em Coimbra, com o Olhanense no Algarve e com o Marítimo, também em Alvalade».

Referência também a Bruno de Carvalho, considerando-se que «não é admissível que o presidente do Sporting, pela segunda vez, se dirija da forma que se dirigiu ao treinador do Sport Lisboa e Benfica». «A liberdade de expressão tem fronteiras que devem ser respeitadas. Não é por gritar mais alto nem por insultar mais vezes que se ganha a razão», remata-se.

Eis o comunicado:

«Resistiu, até esta segunda-feira, o Sport Lisboa e Benfica a entrar numa discussão que entendeu ser natural num primeiro momento, mas que no tempo e no tom em que a mesma se está a prolongar é completamente absurda e merece repúdio.

Sejamos sérios. Há lances de dúvida no jogo? Claro que há, como há em todos os jogos com a intensidade em que decorreu o jogo do passado sábado. Os lances duvidosos repartiram-se, mas os reparos e acusações limitaram-se a apontar, de forma parcial, prejuízos apenas para o Sporting Clube de Portugal.

É claro que a omissão, por parte do operador televisivo, da linha virtual em alguns casos e da má colocação da mesma em outros também contribuiu para desvirtuar a análise de alguns lances.
A discussão faz parte do Futebol e por isso é legítimo que o Sporting peça os relatórios que entender sobre o jogo, e que disso dê publicidade nos jornais que entende, mas seria coerente que pedissem, com a mesma indignação que publicamente têm exibido, os relatórios do jogo com o Benfica em Alvalade, com a Académica em Coimbra, com o Olhanense no Algarve e com o Marítimo, também em Alvalade.

Não podemos reclamar apenas de algumas cenas do filme, temos de ser coerentes e ter memória do filme todo. Quando assim não acontece perdemos credibilidade e ficamos reféns da demagogia e do mais primário populismo.

Quantas vezes já vimos alguns directores, editores ou articulistas de jornais escreverem e condenarem o excesso de protagonismo que os dirigentes assumem em detrimento dos jogadores? E do absurdo de discutir as arbitragens da forma como se discutem em detrimento do jogo?

Pois bem, os jornais e os seus directores têm toda a legitimidade de definir a linha editorial, os editores e opinadores têm todo o direito em assumir o que bem entenderem, mas uma vez percorrido este caminho não podem, no futuro, estes mesmos responsáveis voltar a cair na tentação hipócrita de criticar este tipo de comportamento por parte dos dirigentes desportivos, dada a forma como estão a dar eco de algumas declarações irresponsáveis.

Registe-se, ainda, que não houve da parte de nenhum dirigente do Benfica qualquer palavra desrespeitosa em relação a algum profissional do Sporting. Não é admissível, por isso, que o presidente do Sporting, pela segunda vez, se dirija da forma que se dirigiu ao treinador do Sport Lisboa e Benfica. A liberdade de expressão tem fronteiras que devem ser respeitadas. Não é por gritar mais alto nem por insultar mais vezes que se ganha a razão.»

Anônimo disse...

Anónimo da 01:22 escreveu isto:

"O SPORTING se quiser ganhar alguma coisa tem que arranjar estruturas e uma equipa que consiga ganhar contra 14 á semelhança do que o PORTO tem feito e continua a fazer."

Estão apresentados...

Anônimo disse...

Isto de dar voz a javardos lampiões tem muito que lhe diga.

Este blog já é merdoso por natureza, agora então... Em 13 comentários metade são PORCOS de Carnide.

Anônimo disse...

Realmente isto está a ficar muito poluído! O cheiro fétido a benfa é nauseabundo.......

Anônimo disse...

Este sportinguista percebe de futebol?
A dizer-me que o Mauricio é o culpado no 4º golo, o culpado é somente o ROJO, acompanhado da fraqueza de Rui Patricio, que quando precisamos dele não faz a diferença, como Peter Schmeichel, Vitor Damas, entre outros.
O Rojo não tem qualidade alguma para representar o meu Sporting.