Sá Pinto foi um "exemplo" para o futebol português!


Lembram-se disto?
Então e o adepto dos ordinários invadem o relvado e o gadelhas agride um policia e qual será o castigo?
Oiçam bem o que diz o adepto dos porcos...não sabe que existe uma legislação que prevê sanções a quem invade recintos desportivos?
Porcos de merda!
- "Deixem o rapaz"..."Nunca houve agressões"...Este adepto dos porcos é o espelho do quanto aquela gente é ridícula!
Depois do ridículo castigo ao Luisão, já se espera mais outro castigo ridículo ao gadelhas seboso e com jogos da selecção pelo meio!

Ah já me esquecia...


10 comentários:

Anônimo disse...

Se fosse eu ou tu a fazermos o que o Jesus fez passava-mos a noite na esquadra depois de levarmos com o cacetete... Só por ser treinador do Benfica tem tratamento especial?

Anônimo disse...

Não estou a gostar do discurso do nosso treinador em relação aos "erros" de arbitragem.
Foi grave a não marcação dum penalti claro, estando o Xistra de frente para o lance.
Também não estou a gostar das substituições efetuadas pelo nosso treinador a nível do meio campo.
DUARTE

Anônimo disse...

Tu adoras estes merdas caralho.

A importância que lhes dás está tudo dito no tipo de animal que és!

verde, verde é o Shrek disse...

Exacto, por ai se vê o estatuto de uns e de outros.
Uns são grandes, outros são do 7borting.
Ogres, que nojo!!

Anônimo disse...

É que o Jesus, disse no seu vocabolário a palavra ("agentes" não deve ser agredida, mas eu dou uma ajuda para desapertam agentes.

Fala bem o homem. E foi este tonto dar uma aula de futebol a uma Universidade em Lisboa.
Bom treinador,"agentes tem de ter olhinhos". Aqui está uma das razões porque os licenciados são uma nulidade em português. Prontos...

Anônimo disse...

O que se passou no estadio do Guimarães é rigorosamente o mesmo que se passou e há-de passar em Alvalade.
Esdtou recordado nnum Sp.Benf. que estes merdas ganharam por 1-0, entrar adeptos do Sporting em campo e um deles com um pau de bandeira enorme prontro a agredir jogadores dos vermelhos. Foi apanhado e tudo acabou em bem.
Quanto ao Treinador, foi penaq não ter apanhado uns tqabefes no fuço, que era para a outra vez não se meter onde não era chamada.
Quando ao aqui apresentado caso Sá
Pinto, o que ele fez foi à falsa fé agredir que nem o convocou.

Anônimo disse...

O boneco do ventríloquo


A excelência do ventriloquismo é uma arte ao alcance de poucos. Há que ser um bom ventríloquo, encontrar o tom certo, as palavras adequadas e o boneco apropriado. Depois, treinar, praticar com o boneco, fazê-lo abrir e fechar a boca ao ritmo da vontade do dono; pô-lo a mexer os bracinhos, atribuir-lhe expressões faciais, pô-lo a fingir-se aborrecido, indignado, feliz ou satisfeito, consoante a ocasião e a determinação do dono.



O momento supremo desta arte ocorre quando se consegue colocar a audiência a comentar as palavras do boneco como se ele as tivesse efectivamente dito sem ter uma mão pelos entrefolhos a controlar-lhe os movimentos. No futebol português temos, há umas três décadas, um excelente ventríloquo bonecreiro que consegue, repetidamente, colocar, à vez, um qualquer boneco de ocasião a debitar banalidades em tom de “fina ironia”. Aquilo está tão bem feito que chega mesmo a parecer que o boneco tem ideias, voz e vontade própria. Mas, caramba, depois de tantos bonecos e de tanta repetição de discurso, já é tempo da audiência (feita de jornalistas, opinadores e espécimes afins) perceber que comentar as palavras do boneco é contribuir para a mentira encenada. O boneco, esse, vive na esperança de que não será, a curto prazo, apenas mais um dos bonecos condenado a ser atirado para o canto de uma arrecadação esconsa, onde já moram tantos outros bonecos que vivem na ilusão de que ainda têm voz própria, sem se terem apercebido de que esta ficou agarrada às mãos que os manipularam durante a efemeridade do espectáculo.



No passado fim-de-semana, pudemos assistir à estreia de um novo boneco, num velho, aborrecido e previsível espectáculo de ventriloquismo.

Anônimo disse...

um comentário, diz tudo :)

tig14scp disse...

Isso do episodio do Jesus é para encher chouriços.. o homem n fez mal a ng.. nem ele nem o rapaz k s atirou para o relvado! dediquem-se é a apanhar os criminosos e deixem esse assunto em paz!!

Anônimo disse...

Se algum dia o Benfas for punido devidamente na justiça desportiva... todos nós nos devemos beliscar para acordar.

Ridiculo como vem o Orelhas dizer que JJ não sabia que eram policias, quando os gajos tinham coletes da Policia, perfeitamente visiveis! E 2 deles eram spotters que trabalham com os NN há anos.

Ps: O que Sá Pinto fez... foi deplorável. Exemplo sim, mas do que não deve existir.