Para calar todos os que apoiam a corja!

Durante a minha "viagem" pela blogsfera leonina encontrei um texto num blog que muito admiro e decidi partilhar convosco esse mesmo texto, o texto encontra-se neste blog(cliquem) e aguardo pelos argumentos e comentários dos defensores da actual direcção...claro que considero comentários aqueles que tiverem argumentos...os restantes são lixo!
Em baixo deixo o texto na integra:
“Os golpes na verdade, na coerência e na honra...
Importa afastar as maledicências que tentam mascarar o medo que a actual direcção tem dos próprios sócios do nosso Clube.
É fundamental dissipar o nevoeiro que, articulada e coordenadamente, alguns, amadores e profissionais, por favor, amizade ou por avença, lançam para cima dos sócios e comunicação social.
Sublinhando mais uma promessa quebrada deste presidente (Se marcarem AG demito-me!) quero deixar aqui algumas considerações, democráticas,  livres, reais, jurídicas (com o beneplácito e apoio de amigos docentes da Faculdade de Direito de Lisboa), verdadeiramente sem maquilhagem e totalmente grátis. 
Apenas estou interessado em que se oiça a voz dos VERDADEIROS DONOS DO SCP E HERDEIROS DO PATRIMÓNIO DE CONQUISTAS, VALORES E PRINCÍPIOS DO CLUBE...
OS SÓCIOS!!!! 
Depois decidam o que decidir, vamos a isso, todos.
Se a decisão implicar um acto eleitoral, pois que venha, quem se recandidatar, que se recandidate, quem quiser ser candidato que apresente ideias e projectos.
Acabem é de vez com as chantagens vis e ameaças canalhas!
Terminem é com a manipulação e fuga para a frente, para o abismo do conformismo conveniente gratificado!
E que termine a treta da estabilidade da equipa de futebol, pior do que a palhaçada (sem ofensa aos profissionais desta arte circense) que temos assistido nos últimos 7 ou 8 meses é humanamente impossível e irrepetível em qualquer clube desportivo ou organização do planeta!!!!!
Para inicio de conversa, acho importante partir deste ponto de análise.Para o actual presidente e alguns amigos, se a Mesa da Assembleia Geral fosse "amiga", recusasse a legalidade e aceitasse as ameaças e a chantagem da direcção, violando os estatutos e a LEI, aí sim, era porreira!
Haja vergonha e algum decoro!
Realmente falharam as promessas, falhou o projecto, falhou a gestão desportiva, falhou a gestão financeira (investimento versus resultados, massa salarial, passivo), falharam as escolhas para dirigentes e as apostas para treinadores, falharam as opções tácticas e estratégicas, falharam os objectivos...só resultou mesmo a desinformação remunerada, os processos em tribunal por espionagem e tentativa atabalhoada de incriminar um árbitro, a aquisição de apoio internos por contratação de consultorias principescamente remuneradas.
Haja vergonha e o mínimo de integridade e coerência!
Esta bizarra tentativa de subversão da realidade e da verdade, ou seja, cumprir estatutos e ouvir sócios é errado, certo é todo o colossal abismo do descalabro deste mandato, pode ser um "spin" profissional, pode, mas é atroz, grotesco e abjecto! 
Passemos aos factos,a Assembleia Geral Comum extraordinária (AGE) pode reunir em qualquer data (artigo 50º dos Estatutos do SCP), para discutir qualquer das matérias da sua competência, as quais se encontram enumeradas no artigo 42º dos Estatutos do SCP, incluindo a destituição de membros dos órgãos sociais (artigo 42º, nº 1, alínea b) dos Estatutos do SCP)
Assim, relativamente a uma AGE que seja requerida por sócios estes terão que reunir um mínimo de 1000  votos e depositar na tesouraria do Clube o montante necessário para fazer face às despesas inerentes à AGE (artigo 50º, nº1, alínea c) dos Estatutos do SCP).
A destituição é uma das modalidades de cessação de mandato (artigo 36º dos Estatutos do SCP) e pode concretizar-se mediante revogação do mandato colectiva em deliberação da Assembleia Geral Comum, (artigo 39º, nº1 dos Estatutos do SCP) que será sempre extraordinária. Tratando-se da revogação de mandato de membros do Conselho Directivo esta também “depende de justa” (artigo 39º, nº2 dos Estatutos do SCP) - A justa causa não vem definida nos Estatutos do SCP, sendo aplicável o sistema legal português tendo em conta o artigo 1º dos referidos Estatutos.
A justa causa será determinada através do Código das Sociedades Comerciais e da Doutrina e Jurisprudência, que concluem que as Associações têm o poder de definirem quem querem que a represente na condução dos respectivos destinos e que pratique os respectivos actos de gestão. Aliás, a justa causa é sempre um juízo subjectivo formulado sobre factos objectivos, cabendo à AGE por sua expressa e inequívoca vontade decidir pela destituição. Ou seja: basta a vontade soberana dos sócios de 50% + 1 para que a justa causa se encontre totalmente legitimada na vontade dos sócios.
A Assembleia Geral comum terá forçosamente a natureza de extraordinária (artigo 39º, nº3 dos Estatutos do SCP) pois as de natureza ordinária são as do artigo 49º dos Estatutos do SCP. 
Assim, OBVIAMENTE, a AGE requerida pelo “DAR RUMO AO SPORTING foi requerida de forma correcta, devendo realizar-se o mais tardar no dia 10 de Fevereiro de 2013, sob pena de violação expressa dos Estatutos do SCP (por violação directa do artigo 39º, nº 3).
A necessidade de duas ou três ou quatro AGs é apenas uma interpretação cómica, lamento.
A tentativa de calar e silenciar sócios por parte da direcção do SCP encabeçada por Godinho Lopes é que é mesmo o facto horripilante de todo este processo.
Paulo Ferreira”

10 comentários:

ricleo64 disse...

Aquilo que verdadeiramente me preocupa é o porquê da insistencia desta direção se manter em funções. Palpita-me que escondem algo de tenebroso. Já perceberam que ou nós ou o caos já não cola.

Anônimo disse...

Não vejo como isto cala os defensores de GL, ou os defensores da estabilidade até ao fim da época...

É feita uma interpretação dos estatutos que é não só subjectiva como algo parcial. Aliás a questão da justa causa não é tão simples como o previsto no artigo 1º dos estatutos. O próprio código civil tem n alineas de excepção, remetendo a subjectividade da norma para a apreciação do jurista. Dai que a maior parte dos estatutos prevejam que seja necessária uma AG para determinação da justa causa e outra para a sua votação.

Porque razão até um opositor de GL como Dias Ferreira diz que esta é a sua interpretação? Não é jurista? Está comprado por GL?

Mas como referi no 1º paragrafo, isto é um cú, e o resto são outras calças. Existe uma parte dos sócios que defende a saída de GL só no final da época. E era isto que se devia estar a discutir, prós e contras desta situação. Em vez deste fanatismo pro BdC, que diga-se devia gastar menos dinheiro a pagar a "socialmedia specialists" e mais a pagar o que deve.

Ps: Imaginem a seguinte situação. BdC é eleito e 6 meses depois convocam uma AGE com base em justa causa. O presidente da MAG é anti BdC e aceita... E agora?

Fernando Coimbra disse...

"Assim, OBVIAMENTE, a AGE requerida pelo “DAR RUMO AO SPORTING foi requerida de forma correcta"

Sem dúvida que foi. Não invalida que seja previsivel a necessidade duma 2ª AGE. Isto porque a justa causa pode ser impugnada judicialmente caso não seja sancionada em AG prévia. E GL vai tentar isso, ganhando mais alguns meses...

Se formos pela jurisprudência... a tese de Dias Ferreira é a mais correcta. Mas é apenas uma interpretação sumária da lei.

Anônimo disse...

Grande texto. Isto é o Sporting Clube de Portugal. Um Bem haja a quem escreveu o texto. Já está prometido, caso o godinho seja destituido faço-me sócio. Acho que é um exemplo para os futuros candidatos. Por uma questão de exemplo, Rua Godinho.

Anônimo disse...

Excelente post Sportinguista, 300% de acordo com o que está lá escrito, para espetar na tromba dos lambuças cretinos que vêm aqui largar poia, mas vai-te preparando que daqui a pouco começam a chover coments de atrasados mentais "sportinguistas" apoiantes do Gnomo e que espumam de raiva quando vêem a palavra Bruno ou o nome de outro qualquer candidato que não faça parte desta elite merdosa.
Saudações Leoninas
Rui Jorge

Anônimo disse...

Aos que falam esperar até ao final da época, pergunto eu para quê?

Por acaso ainda estamos a lutar por coisa alguma? Agora é, a meu ver, a altura ideal para eleições, e ir preparando a próxima época com calma, se eperamos pelo fim da época, arriscamo-nos a acontecer o que aconteceu, contratações, dispensas à pressa e corremos o risco de um dejá vu de maus resultados.

Usemos estes 6 meses até final da época, para organizar a estrutura do futebol profissional, decidir qual o corpo técnico para a proxima época (acho que o Professor Jesualdo deveria permanecer) e começar a escolher os jogadores que irão permanecer ou dispensados da equipa principal, etc. No campo financeiro quanto mais rápido estivermos com este processo resolvido melhor, os investidores nunca irão investir no caos.

Começar agora e não no fim da época, alguém dizia "precisamos de tempo" querem mais tempo do que aquele que podemos ganhar se resolvermos este problema desde já?!

AG o mais rápido possivel e eleições antecipadas ainda nesta época desportiva uma vez que já não lutamos por nada.

Anônimo disse...

Este Rui Jorge consegue sempre não acrescentar nada à conversa... Se estás 300% de acordo... então diz porquê.

O que achas tu da jurisprudência neste caso? Sabes o que quer dizer sequer? Need drawing?

Anônimo disse...

Calma, não podem mudar já de presidente, enquanto o meu clube não tiver o Rui Patricio, já temos o Varela Moutinho Izmaylov Liedson já só falta o Moutinho e quem sabe Miguel Veloso. Vai dar um gozo enorme ir Alvalade XXI golear a nossa equipa B. Depois e só ganhar as galinhas no dragão e somos tri campeões... hehehe

Anônimo disse...

Vêm os lambuças com a jurisprudência. Os Estatutos do Sporting são concretos não são abstractos. Não carecem de interpretação. O Código Penal e Código Processo Penal é que foram armadilhados na AR por deputados/advogados de forma a que os grandes escritórios de advogados para quem eles trabalham e ao serviço da corrupção possam torcer e distorcer para que os bandidos de colarinho branco fiquem impunes. O Sporting são os milhares de sócios e adeptos que enchem Alvalade e o Godinho pode ser demitido se eles assim o entenderem. Clarinho como a água. Sem subterfúgios.

Anônimo disse...

24 de janeiro de 2013 19:52

HAHAHa.. por mim podes cá vir buscar pernetas e reformados, é um favor que a merda do teu clube faz. Mas já que falas nisso espero que não te tenhas esquecido do Mário Jardel, Derlei, Rui Jorge, alguns que de pernetas e velhice nada tinham.. Obg Porcos.