Sporting 1 - Rio Ave 0..."Salva-se o resultado...mais uma vez!"


SPORTING: Marcelo Boeck, João Pereira, Xandão, Polga, Insúa, Carriço, Elias, Schaars, Izmailov, Diego Capel e Ricky Van Wolfswinkel
1-0 Marat Izmailov aos 35 min.
AO INTERVALO: 1-0

Os primeiros 15 minutos do jogo foram algo incaracterísticos, sem que o Sporting conseguisse mais uma vez ter qualidade na posse de bola, como se costuma dizer pouco “a cheirou” e dai se viram três cantos por parte dos vila-condenses, depois o jogo mudou…
O Sporting pega no jogo e até chegar ao golo “brindou-nos” com um futebol como há muitos jogos não se via por parte do Sporting, tivemos um Sporting rápido e a jogar com muita objectividade e a dominar claramente as operações mas verdade seja dita, não se viu uma única oportunidade de golo “cantado” por parte do Sporting, essa oportunidade de golo acaba por pertencer ao Rio Ave num lance de bola parada em que João Tomás podia ter feito o 1-1.
Já antes o Sporting no único lance de golo, Insúa logo no inicio do jogo “falha” um golo “cantado” e depois apenas de bola parada por parte de Polga!?, o Sporting cria perigo!
A equipa hoje pareceu-me mais “alegre” e solta, teve dois momentos no jogo:
- Nos primeiros 15 minutos não se conseguiu impor e ter bola, depois de marcar perde intensidade e deixa de praticar o futebol que praticou depois do primeiro quarto de hora.
- Depois dos 15 minutos, tivemos um Sporting muito bem, quase que me atreveria a dizer que o Sporting “roçou” a perfeição até ao golo.
Fica por marcar uma grande penalidade a nosso favor, num lance em que Capel é afastado pelo defensor do Rio Ave.
Gostei muito das exibições de Schaars, Capel e Polga, o brasileiro hoje nem parecia o Polga que ultimamente temos visto, imperial!
Gostei de Izmailov, muito solto e quando se solta da ala, é uma delicia ver o russo com a bola nos pés, o momento do golo é magistral, a jogada e a finalização é de um primor técnico só mesmo ao alcance dos grandes jogadores!
Wolfswinkel tem jogado?
O holandês parece atravessar um período de falta de confiança e parece-me algo preso de movimentos!
Daniel Carriço na minha opinião não tem lugar nesta equipa, ficamos sem solução para sair com a bola jogável!
Marcelo Boeck seguro e a transmitir confiança…resultado justo e o Sporting a ter alguns momentos de um “passado” que já vimos esta época!

Uma 2ªparte sonolenta e mais do mesmo…Sporting a jogar zero e a objectividade ofensiva nula a manter-se…
O Sporting na 2ªparte mostrou apenas um factor positivo, gostei da segurança dos centrais mas mesmo assim foi o Rio Ave a ser a equipa mais perigosa na 2ªparte, numa 2ªparte que motivos de interesse teve zero!
A equipa esteve bem melhor do que no jogo com Paços de Ferreira mas o jogo do Sporting em termos de qualidade foi zero.
Foi positivo termos vencido mas ainda temos muito que esperar para voltar a ver um Sporting forte e agressivo como já vimos em determinada altura da época!
Na 2ªparte passámos os 45 minutos a jogar bastante tempo com “10 unidades” em campo, Wolfswinkel está a voltar a ser aquilo que foi no inicio da época…uma nulidade!
Depois Sá Pinto o que tem de positivo é a forma como transmite garra aos jogadores mas hoje mostrou que a fazer a leitura do jogo ainda tem muito que “palmilhar”!
Tem Izmailov a arrastar-se pelo campo e retira Schaars que estava muito bem no jogo e mete André Santos, não percebi…os “visionários” que me ajudem!
Porque é que é que não retira Izmailov e não coloca Matias Fernandez?
Depois mete o Evaldo e deixa o chileno no banco…não percebi!
O Sporting não conseguia criar jogadas de ataque e o chileno não entra?
Exibição positiva, mais uma vitória e salva-se o resultado porque a exibição é mais do mesmo…mediocridade, menos medíocre que o costume mas nada demais!
O Sporting não fez um único remate de perigo na 2ªparte, isto é preocupante e não é só do tempo de Sá Pinto porque nos últimos jogos da “era” Domingos isso já acontecia, pelo menos nos últimos tempos…será por causa do “abaixamento” de forma de Wolfswinkel?
O Rio Ave por duas vezes cria perigo e num desses lances penso que tivemos alguma sorte porque o remate já dentro da pequena área passa por cima da barra!
Xandão é um central de grande categoria e parece-me que os “brasucas” nos estavam a enganar…é um senhor central!
Gostei de ouvir foi o João Manhoso e o outro porco a ficarem incomodados com os cânticos das claques…a verdade esta a fazer doer?
Mas verdade seja dita…porque estar a entoar cânticos contra os nossos rivais quando os mesmos nem estão presentes em Alvalade?

11 comentários:

Anônimo disse...

quando dizem que o carriço não tem lugar nesta equipa , não percebo.
neste momento é o que está a cumprir melhor aquela posição sem ser o rinaudo.

QUINTA DEL DUQUE disse...

Hoje já se viu mais qualquer coisa. Não existem varinhas mágicas.

Um abraço

TEMOS TEMPO PARA AS EXIBIÇÕES

http://quintadelduque.blogspot.com/2012/02/temos-tempo-para-as-exibicoes.html

Anônimo disse...

o carriço hoje fartou-se de ganhar bolas a meio campo,pelo menos foi o que eu vi,quanto ao jogo em si uma boa primeira parte,com boa circulação de bola,algumas jogadas interessantes e depois vem um golaço do izmailov que é claramente um dos melhores jogadores do campeonato (é pena as lesões),na segunda parte gerimos o jogo,tivemos a bola a maior parte do tempo,e o rio ave só teve duas jogadas de perigo iminente,posto isto nesta altura o importante é vencer,as exibições aparecerão com o tempo

Erik Santos disse...

Salva-se o resultado...mais uma vez???
Tenho que discordar porque vi um sporting muito melhor, com mais posse de bola e a atacar, foi sem duvida o melhor jogo de 2012.Não se pode pedir a uma equipa com novo treinador a meio da época e com novas filosofias uma goleada, assim como não se pode pedir mais ao carriço que esteve bem no jogo claro que não é nenhum Rinaudo mas foi ganhando bolas, assim como não se pode pedir golos ao Ricky quando as bolas não lhe chegam.
Tenho a certeza que a equipa só vai melhorar e precisa de apoio dos adeptos.

SL, Erik

Luis Repolho disse...

Olá dito Sportingista. Geralmente não comento nem sequer me preocupa o que escrevem sobre o meu SPORTING. O meu nome é Luis Repolho e sou lider de uma das claques leoninas, ou seja, verdadeiros sportinguistas que apoiam a equipa, faça chuva ou faça sol. Falaram-me de um ser repugnante que existia por aqui e de facto após dar uma vista de olhos por aqui fiquei enojado com o que vi. Tu não és, nunca foste nem nunca saberás o que é ser do SPORTING. Como é lógico, não vou descer ao teu nivel nem nada que se pareça! Aconselho-te apenas a sentir o SPORTING, a viver o SPORTING e a respirar SPORTING. Vou ficar por aqui porque acho que não tenho que te dar lições de moral. Quando quiseres aparece que eu ensino-te realmente como é se ser deste GRANDE clube, o SPORTING CLUBE DE PORTUGAL.

Luis Repolho

Tiago disse...

O Sporting está a melhorar! Estamos cada vez melhor isso é certo. E quando assim tivermos vai ser um caso sério. Sá Pinto sabe o k faz ;)

Anônimo disse...

Por amor de deus, eu so venho a este blog mesmo pelo chat que de resto ta muito mau.

Sportinguista disse...

Luis Repolho estarei aqui á espera desse teu ensinamento...manda-me um texto para eu publicar para ver se aprendo alguma coisa...

Anônimo disse...

ahahah este sportinguista quer é mama, pede a toda gente para mandar textos.

Anônimo disse...

Mais miserável do que entoar cânticos contra as outras equipas é entrar em discussão com adeptos do seu próprio clube, a dizer que se sabe o que é ser-se sportinguista. Essa coisa do "eu ensino-te" é tão pueril, tão imatura, tão parva que até chateia e até deixa perceber a razão para esses cânticos imbecis.
Quem precisa de apoio é o Sporting. Não são os outros adversários. Aos sportinguistas não interessam quem são os adversários. Aliás, só interessa na medida em que temos de os respeitar. Aprendeste alguma coisa agora Luís Repolho?
É verdade que o Sporting não está a jogar nada, mas agora os jogadores correm atrás da bola, agora o Sporting joga (mal) à bola. Falta muita coisa. Mas para vencer não é preciso ser sempre por 3-0 favas contadas. Para vencer é preciso sofrer - esforço, devoção e dedicação. É isso que o Sá Pinto sabe transmitir aos jogadores. Era preciso.
Não há jogos fáceis. Se não temos o Messi, temos o Matias.
Aquilo que ainda não vejo é os jogadores do Sporting com alegria a jogar à bola. Parece que estão com os pés sobre brasas. E admira-me porque isso deve ser da pressão que lhes colocam em cima. Num dia os jogadores são maus, no outro são ótimos. Num dia o treinador não presta, no outro é um campeão. Não é assim que se pensa.
É óbvio que o Sporting só pode querer o melhor. Mas temos de ser melhores dignamente. E não com cânticos nojentos e desnecessários que só fazem com que as pessoas deixem de ir ao futebol.
O Xandão, não é um GRANDE jogador, nem o Rinaudo, nem o Wolkswinkel, nem nada parecido, e sabem porquê? - porque nunca foram CAMPEÕES PELO SPORTING, só aí é que podem começar a ser reconhecidos e poderem fazer parte da história do grande clube que é o SPORTING CLUBE DE PORTUGAL. Até lá são apenas jogadores, que acarinhamos, é certo, mas sobre os quais esperamos ainda resultados.
Por isso, deixem-se de embandeirar em arco e de dizer que o Xandão é um grande jogador . Grande jogador foi o Jordão, o Damas, o Yazalde, o Carlos Xavier, etc, esse que foram campeões pelo Sporting...

Anônimo disse...

Portanto segundo este anonimo, Figo, Balakov, Juskowiack, Marco Aurélio, Amunike, nenhum deles foi GRANDE jogador porque não foram campeões no Sporting.